Cursinho Online para o ENEM é Patrocinado pela Viga Caldeiraria

Desde a sua fundação, há mais de 40 anos atrás, quando o fundador dessa empresa de caldeiraria, Vito Gaggiato, veio para o Brasil, a Viga tem investido em inovação. Não apenas os processo de produção de estruturas metálicas dessa empresa tem procurado se reinventar, mas também os investimentos em publicidade, que têm se configurado, cada vez mais, como um marketing social, que trás retornos à comunidade onde atua. Dessa maneira, alguns empreendimentos online contaram com o patrocínio dessa empresa de caldeiraria industrial para o seu lançamento, como o cursinho gratuito para o ENEM CulturaLivre.com.

Cursinho online para o ENEM
Cursinho online para o ENEM

CulturaLivre.com tem aulas gratuitas para o ENEM

No site CulturaLivre.com, que contou com a Viga Caldeiraria para ser lançado, é possível encontrar os conteúdos que mais caem no ENEM separados por assuntos. Além disso, também é possível fazer diversos simulados ENEM completamente grátis. Essa startup, em apenas 3 meses, já conseguiu milhares de visualizações e conta com dezenas de depoimentos de alunos que ratificam: “realmente a essa plataforma me ajudou muito na hora de decidir sobre como estudar para o ENEM“.

Um dos conteúdos mais vistos no portal é sobre a guerra dos balaios, uma revolta do período regencial que durou de 1835 a 1840 e impulsionou a carreira de Caxias do Sul, um soldado sanguinário do Brasil Império que até hoje é considerado o patrono do exército brasileiro. Esse post conta com análises em texto, documentários e animações à respeito de um dos períodos mais violentos da história do Brasil, no qual um levante completamente popular ameaçou a coroa portuguesa e foi fundamental para o nascimento de uma identidade nacional.

ENEM História conta com documentários fascinantes

No site CulturaLivre.com, há uma seção chamada ENEM História, que busca retratar a vida de variados personagens que foram fundamentais para a construção do país, como a Maria Quitéria, primeira mulher a compor o exército brasileiro na guerra de independência da Bahia, pela qual veio a receber a principal medalha do recém nascido estado brasileiro, pelas mãos do próprio imperador, Dom Pedro I, que mais tarde iria trair a revolução e voltar a Portugal, sedendo por ainda mais poder, onde não foi tão bem recebido, obviamente.

Author: admin
Graduado em admnistração pela UFV, atua na como coordenador de projetos web há mais de dez anos. Já trabalhou em 3 empresas no Vale do Silício e gerenciou mais de 1 milhão no Google Adwords e 100 mil dólares no Facebook.

Deixe uma resposta